segunda-feira, 11 de abril de 2011

BRUXARIA TRADICIONAL - Livres Pensadores

Conversando com uma pessoa muito querida, ela mencionou os termos "Livres Pensadores", "Ofício", "Arte", "Tradição", "pedra bruta" entre outros, pensei como as coisas são, vejam isto!

Todos esses termos encontramos na maçonaria, isso me faz pensar que algumas pessoas usam tanto desses termos pois não compreendem o conjunto de jargões que regionalistas tradicionais como nós possuimos, não conseguem definir um caminho sem misturar com outras sendas e ordens iniciáticas, não tem um chão para pisarem, crenças comuns para partilharem, alguns se chamam de irmãos de caminho, resta perguntar qual o caminho!

E não é que eu queira ser chato, mas as pessoas querem fazer seus castelos de areia bem perto do mar, querem patentiar termos genéricos e comuns, querem se auto afirmar ou convencer que estão certos, mas me digam! Quem liga para isso? Desde muito cedo aprendi na Bruxaria Tradicional a compreender o meu caminho, que as maiores lutas acontecem dentro de nós mesmos, e os outros? Eles são apenas espelhos, nada mais.

"Somos poderosos", "somos implacáveis", diziam as frases no silêncio de um quarto escuro, somos simplesmente o que somos, nada mais do que isso, e se alguns vivessem apenas do dito "oficio" tal como o Tribunal do Santo Ofício o fazia, estaria limitado a ser apenas isso.

Uma das pessoas que peregrina comigo perguntou: - Draco por quê você se importa com esse povo preguiçoso e sem noção? Disse que não era o povo sem noção que me importava, alguns caminhos não tem volta, deixa a pessoa presa na ilusão no "eu tenho", mas me importo em promover uma visão mais ampla para quem busca conhecer Bruxaria Tradicional como uma peregrinação espiritual.

Seria bom que alguns fossem livres pensadores, dai eles ficariam pensando, pensando e quem sabe um dia chegariam a alguma conclusão.

Abraços Fraternos,

Ricardo DRaco

Um comentário:

  1. risos, princípio básico, livres pensadores tem de pensar!!!

    ResponderExcluir

Este blog tem conteúdo específico religioso (paganismo tradicionalista), caso não concorde... pelo menos respeite e vá a um blog que se destina a mesma vocação religiosa que acredita.